internet

Um dos textos mais engraçados da net

giphy

Hell or heaven?

Este é um dos textos mais engraçados que já li na internet. É antigo mas pra mim é sempre atual, e engraçado. Achei que esse texto eu já havia postado por aqui, mas não achei. Portanto, leia e divirta-se, pra quem não entende: trata-se de ironia, brincadeira, piada, se não gosta, por favor não leia!

Derrocada do Emo Transviado

Pastor Silas, não nos conhecemos pessoalmente ainda, mas sou um grande admirador do seu trabalho. Meu nome é Rodrigo, morador da cidade de Sorocaba, no interior de São Paulo.

Sorocaba é uma cidade maravilhosa, não tão grande ao ponto de sofrer com a criminalidade, mas nem tão pequena ao ponto de ocorrerem abominações como casamentos entre primos ou sexo com animais, como acontece em Votorantim, cidade anã-vizinha.

Como todo Sorocabano, sou fiel torcedor do São Bento, time que graças a Deus, a poucos anos passou da terceira para segunda divisão, que nos brinda com tantas glorias e orgulho!

Também faço parte, assim como toda minha família, do abençoado rebanho do Pastor Gedeão, voz ativa da Igreja Internacional aqui em Sorocaba.

No ano passado, ocorreu um episodio muito triste em minha vida. O demônio tentou se infiltrar em minha família, através do nosso elo mais fraco…Paulo, meu sobrinho de 15 anos.

Eu sempre fui muito ligado ao meu sobrinho. Alem de ser seu padrinho, ajudei até mesmo na escolha de seu nome, já que é o mesmo nome do meu apostolo favorito, e também do meu integrante favorito dos Beatles (Paulo McCartney). Por isso, este caso me abalou tanto.
Paulo era um garoto bom, educado e gentil. Ajudava velinhas a atravessar a rua e ia freqüentemente a igreja comigo. Mas sem mais nem menos, ele mudou da água para o vinho, mas não da forma milagrosa como nosso senhor Jesus Cristo fez na Galileia…de uma forma profana, do tipo que só o Capeta poderia fazer.

Meu sobrinho começou a vestir roupas negras com estampas coloridas, alisar o cabelo e usar franja, pintar as unhas e vez ou outra, até passar maquilagem no rosto. Voltava para casa tarde da noite, chorava pelos cantos e ouvia musicas que falam sobre sentimentos no ultimo volume dos falantes do Micro Hi-Fi System da marca LG que o dei de presente de 13 anos

Perguntei para minha irmã se ela sabia porque desta mudança, e ela me disse que queria dar espaço para ele, não invadir a privacidade. São atitudes erradas assim que fazem o diabo roubar nossas crianças.

Eu o chamei para uma conversa de homem para homem (se ainda fosse possível chamá-lo assim) e perguntei claramente:

Paulo…você virou *****?
– Nhaum tiuu! Euu xou Emo!!! (desculpem pela escrita, estou tentando transcrever o linguajar que o rapaz utilizava).

– Emo??? Mas isso não é o mesmo que *****???
– Nhaum Nhaum! É diferentão!!!
Fiquei aliviado depois dessa conversa. Ao menos meu sobrinho não tinha se tornado homossexual, mas mal sabia eu que ser Emo era tão ruim quanto, ou pior!
Comecei a pesquisar sobre quem eram esses tais Emos com membros da minha igreja, se eram algo saudável para meu sobrinho fazer parte ou se tinham alguma ligação com o demônio…e nada poderia me preparar para minhas descobertas.
Quando o pastor Gedeão me ouviu perguntar sobre Emos, ele fechou o rosto, e pareceu muito preocupado. Ele fez o sinal da cruz cinco vezes seguidas, beijando a mão entre cada uma delas, quando contei que meu sobrinho havia se tornado um dos membros dessa seita.

– Rodrigo, você tem que tirar seu sobrinho desta vida imediatamente!
– Mas porque, pastor? Ele me jurou que não é o mesmo que viado…
– É muito pior! Os Emos são ainda mais ligados a Satanás do que os homossexuais!
Eu não podia acreditar no que estava ouvindo. Enquanto eu temia pela masculinidade do meu sobrinho, na verdade, a alma dele é que estava em perigo esse tempo todo. O pastor Gedeão passou a me revelar toda verdade por trás dessas crianças endemoniadas.

* Ele me revelou que o nome Emo vem de Demo, que só tiraram o D porque é a letra que começa a palavra Deus.
* Que eles choram tanto porque estão se distancia do Espírito Santo.
* Que usam franjas sobre um dos olhos para que sejam mais facilmente iludidos e cegados pelo Demônio.
* Que usam apenas tênis da marca All-Star por conterem pentagramas desenhados nestes, um símbolo pagão de Lúcifer.
* Tudo neles é ligado ao Coisa Ruim, mesmo o uso exagerado da letra X na escrita e na fala, ocorre em função dessa letra fazer parte do nome de vários diabos da Umbanda, como Exu, Oxalá, Orixá e Xangô!

Fiquei desesperado e fui correndo até a casa da minha irmã para alertá-la. Ela e o marido não estavam, e eu ouvi uma musica muito alta vindo do quarto de Paulo. A musica era horrível, e dizia na letra palavras profanas e demoníacas, com um refrão que dizia “Hell Come To My Life” (para quem não se formou no CCAA como eu, traduzo: “Inferno, Venha Para Minha Vida”).
Prontamente, enfiei o pé na porta do quarto dele, a abrindo violentamente. Paulo se assustou, caindo para trás:

– Tiuuu! Que xuxto!

– Assustado fico eu do meu sobrinho estar ouvindo musicas do diabo!

– Du diabu??? Mas Tiuu, Simple Plan é du beiiim!

– Do bem o ******* pivete! Acha que eu não ouvi essa historia de chamar o inferno para a vida???

– O sinhour tendeu tudu raduuu! É “Welcome To My Life”, não “Hell Come To My Life”!!

– Eu sei o que eu ouvi! Mas vamos tirar isso a limpo…pega o encarte do CD para eu ver a letra.

– Num tenhu encarti! Eu baixxei u MP3!

Aquilo foi a gota d’água. Baixar? Igual no terreiro? Satanista e ainda por cima ligado a Umbanda? Era demais para mim. Mandei o garoto ir para o carro, que eu ia levá-lo para o pastor Gedeão tirar o demônio do corpo dele. Ele falou que não iria, e que eu não podia obrigá-lo.

Eu sei que o uso de força bruta é condenável na maioria dos casos, mas não quando um homem tenta salvar um ente querido da danação eterna no inferno. Golpeei a cabeça de Paulo algumas vezes, que rapidamente começou a chorar. Ele tentou se agarrar a um dos pôsteres de bandas que tinha na parede de seu quarto (Emexizeiro ou algo assim) enquanto eu lhe puxava para o carro, e o fiz com tanta força, que aquela imagem pagã de rasgou em suas mãos.

Eu o joguei no banco de trás do carro logo após o atingir mais algumas vezes no rosto, para perder a consciência. Disparei com minha Fiat Elba 4 portas 1.5 à álcool e rodogás, pedindo perdão à Deus em cada farol vermelho que cruzava, indo direto para a Igreja.

O pastor Gedeão me acalmou, falando que apesar de ter quebrado o nariz do rapaz, provavelmente graças a mim a alma imortal dele estaria salva. Gedeão começou a exorcizar o garoto, algo que levou horas e horas, pois o diabo não queria deixar seu corpo, se agarrando em sua franja, tênis com pentagrama e cinto de rebites.

Mesmo com a dificuldade, Gedeão não desistiu, e finalmente, após uma tarde inteira, Paulo foi curado. Hoje em dia voltou a ser um menino normal, que se veste como homem e se interessa por futebol, Jesus e garotas (mas lógico, só as da congregação e não as promiscuas).

O pastor Gedeão me pediu para escrever esse acontecido e enviar a você pastor Silas, pois ele sabe da sua luta em alertar a sociedades dos subterfúgios do Capeta para dominar e enganar inocentes. Boa sorte em sua luta pastor, e continue salvando nossas crianças!

Fé a todos!

Rodrigo Guilhem

Este texto era do link abaixo, mas o blog não existe mais!
http://igrejainternacional.wordpress.com/2009/06/21/a-derrocada-do-emo-transviado/

Anúncios

Mundo Bipolar

A difícil arte de estar nas redes sociais

É minha gente, a cada dia está mais difícil acompanhar os famosinhos das redes sociais, cada um quer aparecer mais que o outro, ser mais bonito e mais perfeito que o outro, mas no fundo, tem horas que dá pena, tanto dos famosinhos quanto de quem segue.

É incrível as pessoas acharem que pessoa X é boa mãe, porque posta foto abraçada com o filho. A outra, toda fitness, que só mostra coisas saudáveis chegando em casa mas vai saber se ela não sofre de bulimia, anorexia e tal.

E tem aqueles que ficam ostentando em hotéis, resorts e muita coisa legal mas no fundo eles ganham essas viagens, para os reles mortais morrerem de trabalhar para ir naqueles lugares de sonho.

É saudável, quando algum insta blogueiro motiva alterações em sua rotina. Isso é o digital influencer, influenciando a ser uma pessoa melhor.

Mas nem sempre é assim. A maioria só quer te vender algo… preste atenção!

Fiquei quase 2 semanas sem ver stories de gente que sigo, e o resultado foi: não consigo mais ouvir a voz de alguns… de verdade, pois soa muito falso, e sim, a maioria só quer vender algo.

Estou prezando mais por saúde mental, pois se você for seguir o que os influenciadores fitness, por exemplo, estão pregando… você fica louco, de verdade. Toda hora é uma coisa que faz mal, ou que faz bem, mas antes fazia mal, agora faz bem..

giphy1

 

É isso.

#confusa #louca #redesocial

Polishop

Quero expor aqui alguns casos que estão acontecendo comigo.

Desde fevereiro estou desempregada, e nesse tempo que você fica um pouco mais ocioso, acha que tudo o que novidade é bom. Nem sempre né.. mas vamos lá!

Eu já estava seguindo e me cadastrando em desafios para emagrecer, promovidos por uma coach. Já seguia no instagram e achava legal, achava que motivava e tal, mas quando eu assistia a alguns vídeos com conteúdos relevantes, a metade do vídeo era a coach mostrando depoimentos das pessoas que ela ajudou. Não estou questionando se ela realmente ajuda ou não, mas sim acho que as vezes esses coaches usam um método, que eles aprendem, para te fazer sentir um lixo humano.

Não é só nesse caso acima que eu vi o tal método para te fazer sentir como um estranho, uma pessoa chata, ultrapassada que não quer ser feliz, que não quer mudar.

Tipo, começa assim: cadastre-se agora e receba o super kit gratuito de tal coisa, o kit pode ser vídeo, ebook e não sei mais o que.

Começou com o negócio de emagrecer, aí veio um de organização, foi aqui que começei a desconfiar, já que alguns textos de email eram meio parecidos.

Depois, provávelmente por eu ter clicado nos anúncios do Instagram sobre os assuntos acima, recebi um que eu achei o assunto pertinente, tradução para dublagem. Fantástico, pois já que eu não estava achando nada na minha área quem sabe, saber mais sobre o assunto não custaria nada. Mas então, claro que custa, você assiste a alguns vídeos gratuitos e interessantes aí normalmente são 3 ou 4 vídeos de graça e no fim vem o custo do curso. Sim tudo isso são cursos. Por mais relevantes que sejam, não é todo mundo que está podendo investir.. sinceramente, acho que sou uma dessas pessoas.. mas posso estar errada.

No facebook tem um cara que fala que se você fizer o curso dele você saberá como arrumar um emprego dos sonhos, de forma simples, sem passar por sites de vagas. Algumas colocações dele realmente fazem sentido, mas não acho que quem está desempregado vá investir $$ em curso. Quero dizer, em cursos que valem a pena, eu acredito que sim, mas sinceramente não sei. Posso estar sendo injusta e arcaica, mas é o que eu penso no momento, realmente eu posso vir a mudar esse pensamento.

Vi esses dias um cara anunciando um curso para ser coach de sono, e o cara afirma que ganhava 100.000,00 por mês, gente… Fui ver agora no google e tem outros especialistas em sono. Eu não sei o que está acontecendo nesse mundo..

Até no linkedIN você encontrará vários experts em tudo mas se você não estiver pronto para mudar de vida, você pode assistir aos vídeos até um pouco antes de vir com as formas de pagamento, para vídeos mais avançados.

Sinceramente está complicado.

Na minha opinião está… mas também posso estar enganada

giphy