Mês: Setembro 2008

Folga

existem coisas que só um folgado faz por você…te tirar do sério por exemplo.

Vai mais alguma coisa senhor? imagem daqui

Então estava eu lá no salão vazio escritório , indo rumo á diretoria, conversar com uma mulher da agência de viagens (providencial).
Um colega virou pra mim e falou: Carol, traz água pra mim. – fiquei tentando entender a “brincadeira” que ele tava tentando fazer. Olhei com uma cara assim: QUE???? e ele explicou: traz uma garrafinha de água lá pra mim, pode.
Falei: TÁ e fui, claro que quando passei da porta eu já tinha até apagado aquilo da minha mente.

Pois bem fiquei das 11:50h até umas 15 para uma da tarde lá conversando e, quando a reunião acabou, fui direto almoçar.. quando eram quase duas da tarde o energúmeno vira e diz: obrigado pela água.. – eu esqueci, e fiquei na minha.
Se o DIRETOR que é meu chefe nunca pediu pra eu buscar uma garrafa de água e bebe do bebedouro; se o GERENTE faz a mesma coisa, porque um cara que provávelmente é um assistente acha que EU vou trazer alguma coisa pra ele???

Fora que esse cara é cheio de querer se crescer pra cima de mim, já dei várias nele, mas ele parece gostar de apanhar.
Uma vez dei carona pra ele, e eu até o achei legalzinho pra conversar.. mas depois, num outro dia ele falou: obrigada pela carona, tipo ironizando pois eu não tinha dado carona. Na minha testa deve estar escrito LOTAÇÃO.

Tudo bem que a minha nova função é assistente de assuntos aleatórios, ou assistente de PN e é por isso que tô em busca de algo melhor. Com certeza consegurei e será em breve.

Falando nisso, tinha uma vaga ótima pra trabalhar numa empresa e a pergunta, a única que tinha era: sabe servir café? será que era pegadinha?

MEMES, FEEDS e outras coisinhas

eu, sendo loira tenho algumas dificuldades com certas coisas, pode ser um anafalbetismo funcional, mas com o tempo vou pegando algumas coisas…feeds por exemplo, ler o link foi bastante esclarescedor…e se eu tivesse usado há mais tempo o feed de alguns blogs não teria deixado passar esse meme da Giseli em branco.

Vai atrasado mas vai:

Quais das 8 inteligências – lingüística, lógico-matemática, espacial, musical, corporal-sinestésica, interpessoal, intrapessoal e natural – tu tens mais desenvolvidas?

Poxa, isso foi uma cacetada! Confesso que tive que reler e ver as respostas da própia Giseli para eu poder responder:

1. Linguística: e eu que tava pensando em fazer Letras, acho que vou deixar pra mais tarde, as vezes eu não sei me comunicar, me dá uns brancos! Gosto de ler mas não tenho tido tempo nem paciência para Machado de Assis, eu acho chato e descobri que o Asimov é o M.A. da F C

2. Lógico-matemática: eu sou ilógica, ou somente mais uma que odeia matemática, se é que é disso que estão falando. Pode usar calculadora?

3. Espacial: as vezes eu sei chegar num local sem saber o nome da rua…

4. Musical: eu fiz aula de flauta, mas num sei tirar nada em instrumento algum

 5. Corporal-sinestésica: tô parada, mal ando é mais fácil eu rolar…

6. Interpessoal: apesar da timidez, eu acho que consigo me relacionar bem com as pessoas. Na internet (veja bem, inter) o meu relacionamento vai bem obrigada.. apesar de as vezes ficar saturada e estafada com algumas pessoas.

7. Intrapessoal: bom, auto-crítica tenho de sobra só não sei se isso me ajuda (sinceramente ão entendi muito bem isso)

8. Natural: aprecio a natureza e os animais mas não me peça pra ir pro meio do mato fazer um acampamento.. a não ser que tenha um chuveiro quente e um banheiro.

Gostei de responder a esse meme, mesmo estando atrasadinho. Passo a bola para o Wallace, Henrique, Gabriel e Senhorita Rosa  responderem, ah sim, fiquem á vontade para responder também… me avisa!

Bem as outras coisinhas vão ficar pra outro post…

Eventos em setembro

Anime Rio 2008

Dias 13 e 14 de setembro (próximo sábado e domingo)

CASA DO MINHO
Rua Cosme Velho, nº 60 – Laranjeiras
Próximo ao Colégio Sion
ESTACIONAMENTO NO LOCAL

_____________________________________________________

II STARFICTION

Você está convidado para II STARFICTION – 13/9/08- 10h00 às 18h00.

Entrada totalmente gratuita
Biblioteca da Escola Estadual Dr. Américo Brasiliense, Praça IV Centenário , nº 07 – Centro – Santo André / SP

_____________________________________________________

DHARMA DAY

Dia 14 de setembro, em São Paulo, acontece o I Dharma Day, um evento para  todos os aficionados de Lost, a série que virou febre mundial.

LOCAL: Livraria Cultura – Market Place Shopping Center – Av. Dr. Chucri 
Zaidan, 902 – São Paulo
HORÁRIO: 14h
ENTRADA LIVRE
Site Oficial: www.dharmaday.com
_____________________________________________________

Jedicon PR 2008


 
Dia 27 de Setembro de 2008.
Aonde??

Cinemateca de Curitiba
R. Pres. Carlos Cavalcanti 1174 – São Francisco, Curitiba, Paraná 
80510-040

_____________________________________________________

MARATONA MULDER/ARQUIVO-X BRASIL 2008 – CIRCASP

Setembro está chegou, e com ele a esperada….

MARATONA MULDER/ARQUIVO-X BRASIL 2008 – CIRCASP

Dia 28/09/2008
Horário das 11 as 15 h
Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Lima Barreto
Endereço : Rua Vergueiro, 1000 – ao lado da Estação Vergueiro do Metro
Entrada : Gratuita

Detalhes dos eventos: 
www.scifibrasil.com.br

Reação em Cadeia

Apesar de precisar, estou com medo de comprar um colchão novo. Não por causa do preço!
Tô com medo pelo seguinte: se eu comprar um colchão novo estarei me acomodando á minha condição de morar de favor. E se não for pra deixar o colchão na casa da minha avó, isso quer dizer que eu vou sair da casa dela. È bom? É e não é, ao mesmo tempo.

Estou adiando também de comprar uma mesinha pra computador, e até um armário. Se bem que o armário só dá pra colocar no apartamento.

De qualquer forma não morarei sozinha, por um tempo. E o meu medo é deixar a minha avó sozinha. Ela não anda boa.

Ontem na terapia, falei disso tudo com a psicóloga e admiti que eu evito pensar nisso, por medo e até por um pouco de comodismo.
Aí conversando com amigos decidi, vou fazer uma faculdade logo pra poder ter um diploma e com isso ganhar mais, e poder ajudar a minha avó e a mim mesma.

Pensando positivo acho que posso tomar uma atitude inesperada, tipo algo que eu nunca pensaria na minha vida, pedir demissão de um emprego que me rende pouco e não me dá muito prazer, e ir atrás de algo melhor..claro que não fiz ainda a minha carta de demissão, mas já arrumei o meu currículo.

Como ouvi ontem: o futuro depende do que eu fizer agora, de fato é verdade, vide o Exterminador do Futuro

JESUS ERA… PERIPATÉTICO

 (Max Gehringer)

Numa das empresas em que trabalhei, eu fazia parte de um grupo de treinadores voluntários.

Éramos coordenados pelo chefe de treinamento, o professor Lima, e tínhamos até um lema:
 “Para poder ensinar, antes é preciso aprender” (copiado, se bem me recordo, de uma literatura do Senai).
 Um dia, nos reunimos para discutir a melhor forma de ministrar um curso para cerca de 200 funcionários.
 Estava claro que o método convencional, botar todo mundo numa sala, não iria funcionar, já que o professor insistia na necessidade da interação, impraticável com um público daquele tamanho.
 Como sempre acontece nessas reuniões, a imaginação voou longe do objetivo,  até que, lá pelas tantas, uma colega propôs usarmos um trecho do Sermão da  Montanha como tema do evento.
 E o professor, que até ali estava meio quieto, respondeu de primeira.
 Aliás, pensou alto:
 Jesus era peripatético!

 Seguiu-se uma constrangida troca de olhares, mas, antes que o hiato pudesse ser quebrado por alguém com coragem para retrucar a afronta, dona Dirce, a secretária, interrompeu a reunião para dizer que o gerente de RH precisava falar urgentemente com o professor.
E lá se foi ele, deixando a sala à vontade para conspirar.

Não sei vocês, mas eu achei esse comentário de extremo mau gosto. Disse a Laura.

Eu nem diria de mau gosto, Laura. Eu diria ofensivo mesmo, emendou o Jorge, para acrescentar que estava chocado, no que foi amparado por um silêncio geral.

Talvez o professor não queira misturar religião com treinamento. ponderou o Sales, que era o mais ponderado de todos.
Mas eu até vejo uma razão para isso…

Que é isso, Sales?
Que razão?

Bom, para mim, é óbvio que ele é ateu.
Não diga!
Digo. Quer dizer, é um direito dele. Mas daí a desrespeitar a religiosidade alheia…

Cheios de fúria, malhamos o professor durante uns dez minutos e, quando já
o estávamos sentenciando à fogueira eterna, ele retornou.

Mas nem percebeu a hostilidade. Já entrou falando:
Então, como ia dizendo, podíamos montar várias salas separadas e colocar umas 20 pessoas em cada uma.
É verdade que cada treinador teria de repetir a mesma apresentação várias vezes, mas…
Por que vocês estão me olhando desse jeito?

Bom, falando em nome do grupo, professor, essa coisa aí de peripatético, veja bem…
Certo! Foi daí que me veio a idéia. Jesus se locomovia para fazer pregações, como os filósofos também faziam, ao orientar seus discípulos.
Mas Jesus foi o Mestre dos Mestres, portanto a sugestão de usar o Sermão da Montanha foi muito feliz. Teríamos uma bela mensagem moral e o deslocamento físico…
Mas que cara é essa?
Peripatético quer dizer “o que ensina caminhando”.

E nós ali, encolhidos de vergonha.
Bastaria um de nós ter tido a humildade de confessar que desconhecia a palavra que o resto concordaria e tudo se resolveria com uma simples ida ao dicionário.

Isto é, para poder ensinar, antes era preciso aprender.

Finalmente, aprendemos duas coisas:
A primeira é: o fato de todos estarem de acordo não transforma o falso em verdadeiro.
E a segunda é que a sabedoria tende a provocar discórdia, mas a ignorância é quase sempre unânime.

 (Artigo escrito por Max Gehringer, publicado na Revista VOCÊ SA.)