mundo virtual

Mundo Bipolar

A difícil arte de estar nas redes sociais

É minha gente, a cada dia está mais difícil acompanhar os famosinhos das redes sociais, cada um quer aparecer mais que o outro, ser mais bonito e mais perfeito que o outro, mas no fundo, tem horas que dá pena, tanto dos famosinhos quanto de quem segue.

É incrível as pessoas acharem que pessoa X é boa mãe, porque posta foto abraçada com o filho. A outra, toda fitness, que só mostra coisas saudáveis chegando em casa mas vai saber se ela não sofre de bulimia, anorexia e tal.

E tem aqueles que ficam ostentando em hotéis, resorts e muita coisa legal mas no fundo eles ganham essas viagens, para os reles mortais morrerem de trabalhar para ir naqueles lugares de sonho.

É saudável, quando algum insta blogueiro motiva alterações em sua rotina. Isso é o digital influencer, influenciando a ser uma pessoa melhor.

Mas nem sempre é assim. A maioria só quer te vender algo… preste atenção!

Fiquei quase 2 semanas sem ver stories de gente que sigo, e o resultado foi: não consigo mais ouvir a voz de alguns… de verdade, pois soa muito falso, e sim, a maioria só quer vender algo.

Estou prezando mais por saúde mental, pois se você for seguir o que os influenciadores fitness, por exemplo, estão pregando… você fica louco, de verdade. Toda hora é uma coisa que faz mal, ou que faz bem, mas antes fazia mal, agora faz bem..

giphy1

 

É isso.

#confusa #louca #redesocial

Anúncios

Polishop

Quero expor aqui alguns casos que estão acontecendo comigo.

Desde fevereiro estou desempregada, e nesse tempo que você fica um pouco mais ocioso, acha que tudo o que novidade é bom. Nem sempre né.. mas vamos lá!

Eu já estava seguindo e me cadastrando em desafios para emagrecer, promovidos por uma coach. Já seguia no instagram e achava legal, achava que motivava e tal, mas quando eu assistia a alguns vídeos com conteúdos relevantes, a metade do vídeo era a coach mostrando depoimentos das pessoas que ela ajudou. Não estou questionando se ela realmente ajuda ou não, mas sim acho que as vezes esses coaches usam um método, que eles aprendem, para te fazer sentir um lixo humano.

Não é só nesse caso acima que eu vi o tal método para te fazer sentir como um estranho, uma pessoa chata, ultrapassada que não quer ser feliz, que não quer mudar.

Tipo, começa assim: cadastre-se agora e receba o super kit gratuito de tal coisa, o kit pode ser vídeo, ebook e não sei mais o que.

Começou com o negócio de emagrecer, aí veio um de organização, foi aqui que começei a desconfiar, já que alguns textos de email eram meio parecidos.

Depois, provávelmente por eu ter clicado nos anúncios do Instagram sobre os assuntos acima, recebi um que eu achei o assunto pertinente, tradução para dublagem. Fantástico, pois já que eu não estava achando nada na minha área quem sabe, saber mais sobre o assunto não custaria nada. Mas então, claro que custa, você assiste a alguns vídeos gratuitos e interessantes aí normalmente são 3 ou 4 vídeos de graça e no fim vem o custo do curso. Sim tudo isso são cursos. Por mais relevantes que sejam, não é todo mundo que está podendo investir.. sinceramente, acho que sou uma dessas pessoas.. mas posso estar errada.

No facebook tem um cara que fala que se você fizer o curso dele você saberá como arrumar um emprego dos sonhos, de forma simples, sem passar por sites de vagas. Algumas colocações dele realmente fazem sentido, mas não acho que quem está desempregado vá investir $$ em curso. Quero dizer, em cursos que valem a pena, eu acredito que sim, mas sinceramente não sei. Posso estar sendo injusta e arcaica, mas é o que eu penso no momento, realmente eu posso vir a mudar esse pensamento.

Vi esses dias um cara anunciando um curso para ser coach de sono, e o cara afirma que ganhava 100.000,00 por mês, gente… Fui ver agora no google e tem outros especialistas em sono. Eu não sei o que está acontecendo nesse mundo..

Até no linkedIN você encontrará vários experts em tudo mas se você não estiver pronto para mudar de vida, você pode assistir aos vídeos até um pouco antes de vir com as formas de pagamento, para vídeos mais avançados.

Sinceramente está complicado.

Na minha opinião está… mas também posso estar enganada

giphy

Spoiler alert!

Se eu fosse o Sheldon, eu já fecharia o blog correndo, e xingava!

Bom, só fiquei com vontade de desabafar uma coisa. Sábado houve 2 sessões de pré-estréia aqui em São Paulo do filme Star Trek Beyond / Jornada nas Estrelas Sem Fronteiras, ou como preferir Star Trek Sem Fornteiras. Eu fui, claro! Encontrei meus amigos trekkers e tal.. foi tudo de bom!

O filme foi bom, mas teve gente que já emitiu opinião detalhada, esquecendo que a sessão era de “PRÉ – ESTRÉIA” e obviamente várias pessoas que gostariam de ver o filme, não o fizeram por N motivos.

Sei lá, eu não gosto de ler spoiler, não gosto de ler muitas críticas, principalmente se é um filme que eu quero muito ver, até evito de entrar no facebook.

Uma vez eu estava vendo “A pele que habito” e não sabia nada além da descrição do filme mas aí entrei no facebook e uma das minhas “amigas” estava falando do filme, já entregando grande parte do enredo… qué qué quéééé, vai besta! quem mandou

Agora a pessoa não se tocar que era uma pré estréia… enfim, cada uma com sua consciência.. eu não faço o que quero pra mim.

Então é só!